sexta-feira, 16 de outubro de 2009

Oração a Gaia



Terra, Gaia, Mãe Terra...tantos são meus nomes!

Por todos que em mim habitam eu sou chamada carinhosamente de mãe.

Mas, sou apenas aquela que abrigou em meus fartos seios as sementes do Criador.

Sou grata por isto!!!!

De todas as direções recebo o choro de meus filhos!

Todos choram pelo destino da humanidade!! !

Mas, estou aqui para dizer que todo o choro é inútil, pois o destino depende exclusivamente de quem o cumpre.

Não posso fazer nada mais a não ser assistir os passos de cada ser humano.

Sou alimentada por estes passos, por seus pensamentos, por tudo o que fazem.

Estou aqui para sustentar e prover cada ser.

Sou o resultado direto do que depositam em mim.

O que faço é resposta direta do que me fazem. É assim que funciona o Universo.

Ele é uma obra de arte em eterna mutação, ao sabor de cada escultor.

Portanto, atentem para isto: sou o reflexo de vocês!

Meu alimento terá o gosto que daquilo que em mim jogarem.

Respondo a todas as suas expectativas, pois não torço pelo mal ou pelo bem.

Não faço mais nada a não ser navegar por todo o Universo...aprenden do.

Sou o resultado desta aprendizagem e todos os seres também assim o são.

Quem sou eu para julgá-los? Vocês estão a cada momento sendo seus próprios juízes.

Morte ou vida? Tanto faz! São duas faces da mesma moeda. O livre-arbítrio serve a todos!

Se quiserem festejar minha presença serei grata!

Adoro ver suas mulheres dançando em comunhão com minhas freqüências.

Adoro ver os homens fertilizando suas mulheres!

Adoro ver todos os seres humanos se amando!

Seus orgasmos liberam novas forças criativas no ar. E eu me enriqueço com elas.

Suas grandes religiões afastaram vocês da minha presença, mas por outro lado trouxeram novas maneiras de ver o mundo.

Cada um de vocês aprendeu muito com isto e agora está liberando o resultado deste longo aprendizado.

Se por um lado vocês assumiram uma faceta que destrói a si mesmos

Por outro assumiram um faceta construtiva que os ensina a não mais percorrer a mesma estrada.

Mas, isto não me impede de devolver a vocês o que em mim depositaram.

Se depositaram flores eu devolverei flores!

Se depositaram lixo eu devolverei lixo!

Eu sou alquimista! Eu a tudo transformo, mas apenas se eu quiser, pois sou livre para fazer o que bem quiser neste planeta.

Animem-se humanos! Voltem a se unir e a criar atividades mais harmonizadoras!

Sou aquela que dei parte de mim para que crescessem aqui! Estarei aqui até o fim dos seus dias!

Vamos nos curar! Depositem amor em meu corpo e eu devolverei amor a cada um de vocês!

Meu orgasmo fará crescer neste planeta a abundância e o amor.

Sou uma cornucópia da fortuna!!!

Invistam em mim e serei fértil e realizarei seus melhores desejos! 
Assim seja, assim é!

Nenhum comentário:

Selo do Magia se faz na Cozinha

create your own banner at mybannermaker.com!
Copy this code to your website to display this banner!